Feira das Mercês em destaque este fim de semana


Sintra continua a ser uma excelente opção para visitar no fim de semana. Workshops, atividades dirigidas aos mais novos, música, exposições, são algumas das sugestões, com destaque para o último fim de semana da Feira das Mercês.

De 25 a 27 de outubro, ainda é possível visitar a tradicional Feria das Mercês, com animação etnográfica saloia, espaços de restauração, bancas de artesanato, área infantil e espetáculos de palco.

No dia 25 de outubro, pelas 22h00, este evento recebe Micaela para um concerto de música popular portuguesa e dia 26, há mesmo hora, é a vez de aturem os Maxi. No dia 27 de outubro, às 15h00, realiza-se a Missa saída de procissão em Honra de Nossa Senhora das Mercês.

Com o objetivo de promover a educação alimentar e hábitos de alimentação saudável, o Município de Sintra tem vindo a realizar várias iniciativas dirigidas a alunos e famílias. Neste âmbito, vai realizar o primeiro workshop de culinária do ano letivo 2019-2020, no dia 26 de outubro, na Escola António Torrado, das 10h00 às 13h00, sob o tema “Tudo sobre Abóboras”, dirigido pela The Company Garden, que se dedica a projetos de horticultura urbana.

A Fablab de Sintra vai dinamizar o workshop “Happy Halloween”, sábado, dia 26 de outubro, das 14h00 às 17h00, destinado à construção de abóboras iluminadas.

A Casa dos Hipopómatos recebe no sábado, dia 26 de outubro, às 16h00, a peça de teatro Jardim Pim Pim. A atriz Patrícia Cairrão conduz miúdos e graúdos numa visita pelo Jardim Pim Pim, um jardim que andarilha pelos sonhos de uma menina. Que jardim será esse? Desafiantes formas, sons e movimentos espreitam daquele lado da cidade.

Até dia 5 de janeiro, o Museu Anjos Teixeira tem patente a exposição “Nú”. A mostra pretende exibir a visão de cada mestre em relação ao corpo humano e à sua nudez, com esboços elaborados pelos mesmos antes das suas esculturas.

O MU.SA – Museu das Artes de Sintra tem patente a exposição “O Espaço ilimitado da pintura” obras da coleção de Nadir Afonso, que se insere nas comemorações do centenário do nascimento do pintor, datado de 4 dezembro de 1920. Grande parte das obras expostas são da coleção de Laura Afonso, viúva do pintor, e da Fundação Nadir Afonso.

“Agricultores e Pastores da Pré-História – Testemunhos da Região de Sintra” é a mostra que está patente no Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas, onde se reúnem mais de 500 objetos que testemunham a densa ocupação humana de Sintra durante a Pré-história recente, ou seja, desde meados do 6.º milénio (Neolítico antigo) até finais do 3.º milénio A.C. (Calcolítico final).